O papel da hiperplasia na hipertrofia do músculo esquelético

2 09 2009

Olá pessoal da disciplina “Fisiologia Humana”, em nossas aulas o tema “hipertrofia” e “hiperplasia” foi bastante citado.  Estou postando um artigo que pode ajudar a esclarecer estes dois termos e seus mecanismos.  Boa leitura para os alunos que gostam de treinamentos de força e hipertrofia.   Segue o link.

Link: www.rbcdh.ufsc.br/DownloadArtigo.do?artigo=189

Forte abraço

Anúncios

Ações

Information

3 responses

7 09 2009
Larissa Pâmela

Olá Sandro, li o artigo e surgiram algumas dúvidas que gostaria de esclarecer com você. A diferença que eu pude observar entre hiperplasia e hipertrofia de acordo com sua aula e com o artigo é que a hiperplasia consiste na multiplicação das fibras, e a hipertrofia consiste no aumento do tamanho das fibras, tanto em diâmetro como em comprimento, é isto? Outro fator que me chamou a atenção foi o fato de que as células satélites ao hipertrofiarem, muitas vezes acabam se dividindo e assim gerando células menores, ou seja novas fibras que podem substituir o tecido lesionado pela atividade física, ou até mesmo unir-se as fibras existentes no local, e neste caso pode ocorrer a necrose tecidual, ela pode provocar algum problema ao organismo? A hiperplasia através de atividades físicas, sem o uso de anabolizantes só acontece depois da hipertrofia das fibras? (Pelo que compreendi os anabolizantes são capazes de aumentar a produção das células e assim aumentando a quantidade de fibras, então estas não passam por processo de hipertrofia). Se nos exercícios de força levarmos o músculo até a fadiga, então alcançamos a hiperplasia?

Obrigada!

Ass Larissa Pâmela.

8 09 2009
sandrodesouza

Olá Larissa
A hiperplasia é um processo distinto da hipertrofia. Ela pode aumentar a hipertrofia (que é o tamanho total do músculo) Estudos demonstram que para obter ganhos de hipertrofia através da hiperplasia, seria necessário um esforço muito grande, próximo aos 100%. Este ganho, a princípio, não causa nenhum problema à saúde. O uso de esteróide anabólicos podem influenciar no ganho de massa muscular por hiperplasia. O esforço intenso leva a musculatura a sua máxima carga em um curto período de tempo, não necessariamente à fadiga.

9 09 2009
thaisa mara

Olá Sandro!A leitura dos artigos sobre alongamento e hipertrofia e hiperplasia me alertaram ainda mais sobre como a execução do movimento irá repercurtir .O que eu entendi por hiperplasia seria um aproveitamento muscular mais eficiente onde haveria mais produção de células musculares,aumentando seu volume,resultado mais eficiente que a hipertrofia .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: